Poetas Independentes

Publicando idéias...realizando sonhos !!!

O calor que se faz sentir
Não é pra qualquer faquir
Que corre dentro do mato
Esse bicho até nem conheço
Nem sei o seu endereço
Se é da família do porco ou do gato

Estou derretendo em suor
E sua estação eu sei de cor
É o verão dos carnavais
Dos clubes e das passarelas
Que quando estou junto delas
Sou o mais feroz dos animais

Só faço o que elas gostam
Que rebolam e se encostam
E eu pego fogo também
Pra ter tudo isso eu pago
E a morena mais bela eu trago
Pra desfilar no meu arem!

Escrito as 14:25 hrs., de 09/02/2018 por
Nelson Ricardo

Exibições: 12

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas Independentes para adicionar comentários!

Entrar em Poetas Independentes

Copie e Cole em Seu Blog

Carregando...

© 2019   Criado por Marcio Marcelo do Nasc.Sena.   Ativado por

Credencial  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

\uascript type="text/javascript">\udvar pageTracker = _gat._getTracker("UA-4958259-1");\udpageTracker._initData();\udpageTracker._trackPageview();\ud \ua!-- Add Message to Profile Pages --> \uascript type="text/javascript">\udx$(document).ready(function() {\udx$(".xg_widget_profiles_profile_show .xg_2col h1").after('\uadiv style="font-size:12px; background-color:#FFffFF; color:#000000; margin-top:15px; margin-bottom:15px; border:1px #333333 solid; padding:5px;" class="xg_module">\ua
\ua \ua
\ua/div>');});