Agora são meio dia e nove
Acho que tão sedo não chove
Ta fazendo um calouraço e tanto
Eu peço, uma música, por favor
Romântica que fale de amor
Que então eu visto meu manto

De bonzinho e carinhoso
Desses metido a gostoso
Segundo meu amigo espelho
Carrego no meu bolso direito
Um lensinho dobrado com jeito
Feito de seda e vermelho

Para enxugar as lágrimas dela
Que é e sempre será a mais bela
Outra mais linda ta pra nascer
Mais agora chega de prosa
Porque hoje eu desfolho a rosa
E mostro a ela o que é prazer!

Escrito as 12:33 hrs., de 17/06/2017 por
Nelson Ricardo

Exibições: 0

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas Independentes para adicionar comentários!

Entrar em Poetas Independentes

Anuncie seu Livro aqui - Clik na imagem da capa

Novidade : Click no botão abaixo...

Este site é gerenciado pelos administradores e mantido por seu membros muito obrigado por sua colaboração !

Ajude a manter o site em funcionamento faça uma doação de qualquer valor
.

Ou se preferir torne-se um assinante permanente contribuindo anualmente com o valor de R$15,00

Assine : R$15,00 - Anualmente

Obras que indicamos

Elemento ar

Preço: id="old-price-14">R$35,00

Preço Promocional: id="product-price-14">R$25,00

Do princípio ao fim

Preço: id="old-price-20">R$35,00

Preço Promocional: id="product-price-20">R$25,00

II Antologia Beco dos Poetas

Preço: id="old-price-2">R$35,00

Preço Promocional: id="product-price-2">R$25,00

Elemento água

Preço: id="old-price-17">R$35,00

Preço Promocional: id="product-price-17">R$25,00

Coletânea Especial II e III Antologia dos Poetas

Preço: id="old-price-3">R$35,00

Preço Promocional: id="product-price-3">R$25,00

© 2017   Criado por Marcio Marcelo do Nasc.Sena.   Ativado por

Credencial  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço