Poetas Independentes

Publicando idéias...realizando sonhos !!!


De noite me rolo na cama Acontece que o sono não me chama E eu fico mergulhado na insônia Vagando e viajando no tempo
Como uma pandorga ao vento
Que vem da Amazônia

Então levanto para escrever
Não sei se quero esquecer
Ou então que quero lembrar
E fico com meu rádio ligado
Mexendo nas teclas do teclado
E então um poema criar

Eu não sou improvisador
Considero-me um escritor
Que gosta de brincar com letras
Aí vem o sono e fico tonto
E depois do poema pronto
Eu guardo no fundo das gavetas!

Escrito as 22:00 hrs., em ponto de 06/05/2018 por
Nelson Ricardo Ávila

Exibições: 7

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas Independentes para adicionar comentários!

Entrar em Poetas Independentes

Copie e Cole em Seu Blog

Carregando...

Contribua com o site doando qualquer valor

cod banco 001
Ag 3567-X
C\C 385077
Favorecido Marcio Marcelo do Nascimento Sena
CPF 248.914.048-50 .

© 2018   Criado por Marcio Marcelo do Nasc.Sena.   Ativado por

Credencial  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço