Anjo de patinete!

Eu já estou atrasado
Pra mais um poema rimado
O que vai sair? Não sei
Inspiração? Não sei de onde
Meu anjo não responde
Toda a tarde observei

Ele andando de patinete
Por favor, não interprete
Como brincadeira de mau gosto
Anjo do sexo feminino
Com seu jeitinho meigo e fino
Pele macia do rosto

Essa noite vai rolar
Tenho que me preparar
Pra dar conta do riscado
Pode deixar que eu traço
O que ela pede eu faço
E por demais caprichado!

Escrito as 18:43 hrs., de 14/03/2017 por
Nelson Ricardo

Exibições: 2

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas Independentes para adicionar comentários!

Entrar em Poetas Independentes

Novidade : Click no botão abaixo...

Este site é gerenciado pelos administradores e mantido por seu membros muito obrigado por sua colaboração !

Ajude a manter o site em funcionamento faça uma doação de qualquer valor
.

Ou se preferir torne-se um assinante permanente contribuindo anualmente com o valor de R$15,00

Assine : R$15,00 - Anualmente

© 2017   Criado por Marcio Marcelo do Nasc.Sena.   Ativado por

Credencial  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço