Poetas Independentes

Publicando idéias...realizando sonhos !!!


Joguei fora meu poema Por causa de uma morena Que cruzava o meu caminho Nem se quer me deu atenção
Caí de queixo no chão
Balbuciando sozinho

E agora o que é que eu faço
Saí em busca do seu paço
Na direção do carnaval
Passou a noite desfilando
E eu de madrugada babando
Quando ela deu o sinal

Para esperar na saída
Aquela morena florida
Tomou-me pela mão
Leve-me aonde quiser
Ganhei por inteiro a mulher
Sua alma e seu coração

Escrito as 18:18 hrs., de 08/06/2018 por
Nelson Ricardo Ávila

Exibições: 19

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas Independentes para adicionar comentários!

Entrar em Poetas Independentes

Copie e Cole em Seu Blog

Carregando...

© 2018   Criado por Marcio Marcelo do Nasc.Sena.   Ativado por

Credencial  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço