Olá meus Amigos e Amigas do Portal Poetas Independente é com muita alegria que a partir de agora todos os textos publicados em nosso site estão elegíveis para publicação bastando para isso indicar o link do texto no formulário em seu perfil para que seja analisando e caso seja aprovado publicado será mais uma etapa de nosso movimento que cresce a cada dia grato a todos



Blog de NELSON RICARDO (3,392)

UM FRANGOTE SAGAZ



Não tenho canceira nenhuma

Então vai ai mais uma

Das poesias que faço

Levando minha saudação

Num forte aperto de mão

E também um abraço

Eu sou da terra do poente

Mas também do sol nascente

A estrela D’alva é minha paz

Nasci num barracão de zinco

Quando…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 17 julho 2017 às 18:07 — Sem comentários

SEMPRE ACOM CRISTO

Se for, vou sentir saudade

Vou para a grande cidade

Visitar o templo da igreja

Aquela criada por Deus

Que recebe os pedidos meus

Onde quer que eu esteja

Quero com ele estar quisto

Sou da Igreja de Jesus Cristo

Dos santos dos últimos dias

A quem entrego…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 17 julho 2017 às 15:56 — Sem comentários

ITÁLIA DOS SONHOS MEUS

Música que adoça o coração

A beleza de uma bela canção

Da minha distante Itália

Desde que deixei alem mar

Dos canais de Veneza a navegar

Lá tem um escultor que entalha

A formosura de uma mulher

Eu tenho um pensamento qualquer

De entalhar uma madeira em…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 17 julho 2017 às 12:04 — Sem comentários

A CANÇÃO DOS ROUXINÓIS



Se cheguei rodando estrada

Da feira que tava armada

Lá no schopping bulevar

A apresentação tão linda

Tinha cada mulher mui linda

Só no salto a desfilar

Retornei com o peito em flor

Lá encontrei com meu amor

O amor que nunca foi meu

A amada que me…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 15 julho 2017 às 19:04 — Sem comentários

A ESTRELA DALVA



Pra não dizer que não mandei flores

Eu sou da escola dos mil amores

Lá do alto do beleléu

É assim que me identifico

E ainda por cima me certifico

De que vou acampar lá no céu

Numa noite bem estrelada

Arranjar uma namorada

A estrela Dalva quem sabe

Pra…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 14 julho 2017 às 20:59 — Sem comentários

A VELA VERMELHA



Matracando as coisas em casa

E olhando o vermelho da brasa

Da lenha que queima na lareira

Eu sinto um roçar de perna

O que provoca uma vontade eterna

De ver quem é a roçadeira

E vejo que é uma perna feminina

Da que ainda pode se chamar menina

Porque está buscando…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 13 julho 2017 às 21:36 — Sem comentários

NAS GALHAS DA CEREJEIRA

Pois então lá vai mecha

Encosta a porta, fecha

E agora estamos só nós dois

Você aceita uma flor?

Vamos fazer uma história de amor

A minha vida eu te conto depois

Fiquei doido ao te conhecer

Senti que posso merecer

Sua presença em minha história

Viver…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 13 julho 2017 às 16:53 — Sem comentários

DE ONDE QUE VEM A SAUDADE



De onde que vem a saudade

O algoz da maldade

Que me dá vontade de dormir

Sem acordar nunca mais

Perder-me por trilhas mundiais

Pois é pra lá que eu quero ir

A não ser que ela venha

Tocar fogo e botar lenha

Quero ela do jeito que for

Sem ela não sei…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 13 julho 2017 às 12:52 — Sem comentários

UM PLANETA DOIDO DE AMORES



Minha vida é escrever poesias

Seguindo por diversas vias

No sentido das variações

São águas do mar que passam

Enquanto que as horas ultrapassam

Por todas as estações

Girando junto com a terra

Faça paz ou faça guerra

Por entre alamedas de flores

Por…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 12 julho 2017 às 17:35 — Sem comentários

BOMBEIRO DO AMOR



Morena dos cabelos longos

Bom pra espantar pernilongos

Quando nas noites sem lua

Chama-me aos aconchegos

Nos acomodamos aos sossegos

Que importa o barulho da rua

Nasceu a brotou lindona

Cabelos lisos como os de Madona

És agora a rainha da beleza

Inda bem que…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 12 julho 2017 às 11:37 — Sem comentários

O GRANDE REI DA MATA



Quanta alegria que sinto

Falando a verdade não minto

As flores desabrocham pra mim

E os pássaros fazem serenatas

Sinto-me o grande rei das matas

E eu quero que continue assim

Por que foi assim que pedi a Deus

Ele respondeu aos apelos meus

Dizendo, filho você…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 11 julho 2017 às 19:12 — Sem comentários

LOUCURAS ENGAVETADAS



Só o silencio nos ouvidos

De longe ouço os gemidos

Das almas lá do inferno

Boto fogo na lareira

E me deito sobre uma esteira

Fugindo do frio do inverno

Só o silencio de outros mundos

E o ronco dos sonos profundos

Arrebatam minha euforia

De emoção quase…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 11 julho 2017 às 16:06 — Sem comentários

NA CANÇÃO DOS PASSARINHOS

Essa morena clara

Verdadeira jóia rara

Que apareceu em minha vida

Dando o tom de nosso passo

Agarrou-me pelo braço

E me mostrou a saída

Para um passeio na cidade

Sobre o ar da liberdade

Na alameda da cascata

A sua voz não me enerva

No fim…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 10 julho 2017 às 20:59 — Sem comentários

OS OLHOS DA LIBERDADE



Que saudades que estou

Até uma lágrima rolou

Dos olhos da liberdade

O tempo levou embora

Ai meu deus e agora

Essa malvada saudade

Que se apossou do meu peito

Que machuca e não tem jeito

Ela demora e não vem

Ai ai ai meu Deus do céu

Será que foi-se ao…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 10 julho 2017 às 18:04 — Sem comentários

PENSAMENTOS VÃO PRO AR



Pensamentos vão pro ar

No barquinho a navegar

Pelas águas do pensamento

Para os mares se Deus quiser

Sereias em forma de mulher

Que têm alma e sentimentos

Lá vou eu nesse barquinho

Absolutamente sozinho

Com os remos da ilusão

Vou em busca do meu…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 10 julho 2017 às 11:24 — Sem comentários

UMA PÉTALA DE MAL ME QUER

Aquela flor tão cheirosa

Magnânima e caprichosa

Cabelos longos até a cintura

Que ainda vejo no retrato

Na cascata no meio do mato

Com toda a nudez da formosura

Abraçada ao meu corpo

E eu nos braços do conforto

Natureza em forma de mulher

A sereia dos…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 8 julho 2017 às 17:13 — Sem comentários

EU VOU BUSCAR VOCÊ

Eu vou buscar a felicidade

Sem desvio e sem maldade

Eu vou buscar seu desejo

Eu vou buscar a aquarela

Para te pintar tão bela

Com apenas um beijo

Um beijo super prolongado

De quem vive apaixonado

E em outra coisa não pensa

Eu vou buscar você pra…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 7 julho 2017 às 11:44 — Sem comentários

NO SILENCIO DA TARDE FRIA



No silencio da tarde fria

Até meu dente rangia

Deitei em baixo do edredom

Porem em cima da cama é claro

E foi aquele momento raro

Que compartilhamos o bom bom

Eu e ela abraçados

Com nossos corpos suados

E dois corações unidos

Na solidão daquele…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 6 julho 2017 às 17:29 — Sem comentários

UMA LÁGRIMA QUE NÃO CAI

Aqui eu chego e vou mandando brasa

Tanto tempo fora de casa

Ai ai meu bem, ai ai meu pai

Minha vida é muito louca

Agonia no peito não é pouca

Uma lágrima de amor que não cai

Coração duro de mais

As pessoas não são iguais

Eu fui rejeitado faz tempo…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 6 julho 2017 às 12:32 — Sem comentários

EU NÃO SOU CACHORRO

Ta faltando sono

O vira lata sem dono

Que também não tem dona

Que deita levanta

Bebe um copo de fanta

Quando então abandona

A casinha de cachorro

Só resta pedir socorro

E um leitinho na tigela

Embora disso não goste

Sai e faz xi xi no poste

E não…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 6 julho 2017 às 0:48 — Sem comentários

Antologias (impressas) Abertas participe gratis







Novidade - Publicar seu texto em Antologia Gratis

Caros Amigos e Amigas do Beco dos Poetas \ Poetas Independente venho participar um projeto que a muito idealizávamos publicarmos gratuitamente nossos autores com essa ideia iniciamos o projeto meus poemas uma nova plataforma e com a adesão de 50 Autores que produziram perto de 700 textos elaboramos quatro antologias gratuitamente e já estamos selecionando novos textos queremos vocês conosco nessa nova etapa precisamos criar sua pagina na rede www.meuspoemas.com.br para que nos envie seus textos informações antologia@becodospoetas.com.br ac\ Maria Jeremias assunta criar perfil meus poemas

Este site é gerenciado pelos administradores e mantido por seu membros muito obrigado por sua colaboração !

Ajude a manter o site em funcionamento faça uma doação de qualquer valor
.

Ou se preferir torne-se um assinante permanente contribuindo anualmente com o valor de R$15,00

Assine : R$15,00 - Anualmente

Obras que indicamos

Meus Poemas Vol. II

Preço: id="old-price-24">R$35,00

Preço Promocional: id="product-price-24">R$25,00

Meus Poemas Vol. IV

Preço: id="old-price-25">R$35,00

Preço Promocional: id="product-price-25">R$25,00

Meus Poemas Vol. III

Preço: id="old-price-26">R$35,00

Preço Promocional: id="product-price-26">R$25,00

Meus Poemas Vol I

Preço: id="old-price-23">R$35,00

Preço Promocional: id="product-price-23">R$25,00

© 2017   Criado por Marcio Marcelo do Nasc.Sena.   Ativado por

Credencial  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço