Todas as mensagens do blog (34,320)


Autor
PAPAI NOEL DE SACO CHEIO

E vamos digitar novamente

Talvez a inspiração no repente

Floresça e me de amor e emoção

E haja sorvete numa tarde calorenta

Os sabores são; alho e pimenta

E salve, salve a chegada do verão

Trazendo papai Noel de saco cheio

E mais outro saco pelo meio

O velho…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 14 dezembro 2017 às 16:04 — Sem comentários

O LAR FELIZ

João se casou com

Maria e tiveram

duas meninas,

educaram as filhas

e elas eram ainda

mocinhas quando

os rapazes começaram

a assediá-las.

João e Maria

então perguntaram

às filhas o que

é que elas tinham

aprendido até

aquele momento.

E as meninas responderam

quase ao mesmo tempo

que tinham aprendido

a respeitar os pais

em primeiro lugar.

Os pais continuaram

preocupados e um dia

souberam…

Leia Mais

Adicionado por Aristides Dornas Júnior em 14 dezembro 2017 às 10:30 — Sem comentários

O AMOR CRISTÃO

Eu conheci um

homem que lia

a Bíblia toda noite

depois de ter

chegado do trabalho

e que por isso

só praticava

o bem. Ele me disse,

me contrariando

um pouco, porque eu

gosto de livros

de ficção além da

leitura da Bíblia,

que destetava o

veneno dos livros

de ficção modernos

que estão sempre

a tomar partido

sobre os assuntos

que mais intigam

e angustiam

o homem de nosso

tempo. Então…

Leia Mais

Adicionado por Aristides Dornas Júnior em 14 dezembro 2017 às 10:00 — Sem comentários

ETNIAS

Os povos do planeta

Terra foram classificados

por raças segundo

critérios cientifícos

convenientes às nações

mais poderosas.

No fundo, o que os

distinguem são os

costumes. O ensino

quando é bom

transforma maus costumes

em bens costumes.

Mas não muda a

cor da pele, de vermelho,

amarelo, ou verde de marciano

em branco que é o que

o domina nosso globo.

As nações tem o seu

destino definido

pelas…

Leia Mais

Adicionado por Aristides Dornas Júnior em 14 dezembro 2017 às 9:06 — Sem comentários


Autor
VIRA LATA APAIXONADO



Vamos lascar na poesia

A felicidade se inicia

No ponta pé do jogo

O corre corre é um atraso

A minha vida não vem ao caso

Eu não me atiro no fogo

Não sou louco nem nada

Sou o poeta da madrugada

Passeador de calçadão

Bermuda e chinelo de dedo

Não…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 14 dezembro 2017 às 9:06 — Sem comentários

A MULHER POBRE

A mulher pobre

é uma mulher

como outra qualquer

que ama e odeia

se for preciso.

As paixões da mulher

pobre são as mesmas

que a da mulher

rica, por isso

deixe seu preconceito

nas mãos de Deus

que é quem melhor

cura as doenças,

inclusive as sociais.

A mulher pobre

às vezes adentra

o nosso lar e nos

dá o seu trabalho

como doméstica

que se ela faltar

é como se faltasse

comida, pois…

Leia Mais

Adicionado por Aristides Dornas Júnior em 14 dezembro 2017 às 8:30 — Sem comentários

ÉBANO (Ou o Poema dos Filhos de África)

O negro brasileiro

quando é ambicioso

demais procura se

tornar um artista

famoso. Mas quando

é modesto e humilde

aceita a marmita

de operário ou

o salário de datilógrafo.

Alguns se distinguem

da multidão em profissões

liberais por seu

esforço e talento.

Ninguém faz nada

por ninguém neste

mundo mau e pelos

negros menos ainda.

Portanto quando

um negro tem uma

boa condição social

foi porque…

Leia Mais

Adicionado por Aristides Dornas Júnior em 14 dezembro 2017 às 8:00 — Sem comentários

O POETA VISITA UM OPERÁRIO

Numa cidade do interior

não se escolhe os amigos

porque todos são amigos

principalmente quando

dependemos dos serviços

que os amigos nos prestam.

Foi assim que o poeta

apadrinhou o batismo do

filho de um operário.

O operário trabalhava

na construção civil

e não ganhava ainda

o suficiente para comprar

uma casa própria onde

pudesse alojar sua mulher

e seu filho e por isso

morava numa casa de aluguel

que não…

Leia Mais

Adicionado por Aristides Dornas Júnior em 14 dezembro 2017 às 6:43 — Sem comentários

POESIA É LAZER

Num domingo qualquer

em que você esteja

descansando dos trabalhos

da semana você poderia

dedicar algum tempo

à leitura dos escritos

dos poetas e procurar

ver neles o prazer

de ler. Você verá

que suas preocupações

diminuirão e você

estará pronto para

ir à praça de esportes

com o corpo forte

mais leve, porque

sua mente estará

também mais leve.

Num domingo qualquer

em que você esteja

descansando dos…

Leia Mais

Adicionado por Aristides Dornas Júnior em 14 dezembro 2017 às 6:30 — Sem comentários

MULHER MORTA NA ESTRADA

Estive hospitalizado, precisava

sair do hospital, pois estava

praticamente curado, restando-me

apenas o reetabelcimento.

Um amigo veio, com seu automóvel,

me buscar, e, lá fomos, estrada

afora. Eu pedi que ele dirigisse

devagar, e ele me atendeu.

Íamos, e de repente, vimos

um corpo estendido no chão.

Ficamos curiosos, mas não paramos

para ver se era mesmo um corpo.

Ficamos apenas com a impressão

de que era um corpo de…

Leia Mais

Adicionado por Aristides Dornas Júnior em 14 dezembro 2017 às 4:30 — Sem comentários


Autor
OCEANO DE POESIAS



Nos não queremos utopias

O mundo precisa de poesias

Mas também caldo de cana

E mel chupado no favo

Do primeiro dia ao oitavo

No calendário da semana

Precisamos de harmonias

Bolo recheado de poesias

Com cobertura de canções

E alguns enfeites de…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 13 dezembro 2017 às 15:38 — Sem comentários


Autor
MORENA DA COR DO ARCO IRIS

Não posso parar de sonhar

Mas agora tenho que andar

Esquecer o dia de ontem

Comer o doce do pires

E passar por baixo do arco Iris

E também por muitos horizontes

Podem me chamar de louco

Mas eu não estou nem um pouco

Com que os outros estão pensando

Estou…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 13 dezembro 2017 às 14:03 — Sem comentários


Autor
NO CORAÇÃO DA MULATA

Eu não quero nem saber

Se o tacho vai ferver

Mas hoje eu vou à festa

Talvez eu rode a baiana

Nesse meio de semana

Outra coisa não me resta

A não ser lascar fogo

Se a vida é um jogo

Então eu quero jogar

Com as cartas sobre a mesa

Porque tenho certeza

Que…

Leia Mais

Adicionado por NELSON RICARDO em 13 dezembro 2017 às 10:07 — Sem comentários

AOS LEITORES QUE EU OBTIVER PARA OS MEUS VERSOS

Depois de escrever estes versos

tolos e pretensiosos,

persigno-me e ajoelhado ante

a imagem do Cristo crucificado

peço a Ele e a seu Pai

a benção de conseguir agradar alguns

poucos leitores.

Que esses leitores me julguem

com paciência,

a mesma paciência que dulcificou

Jó.

Eu não sei se são bons versos,

se eles tem a Poesia

dos verdadeiros poetas.

Eu só sei que faço

poesia marginal,

é só isso que sei.

Seria…

Leia Mais

Adicionado por Aristides Dornas Júnior em 13 dezembro 2017 às 8:30 — Sem comentários

VIDA NA PROVÍNCIA

Na província não tem jornal.

Então como é que se faz

para saber das coisas?

Conversando com as mulheres,

que é quem geralmente

sabe das coisas da cidadezinha.

Uma é irmã do prefeito

e nos dá notícia

das providências que a autoridade

dele irá tomar.

Outra é irmã do principal

comerciante da província,

e nos informa sobre as

melhores mercadorias que

chegaram na província.

Na província não tem cinema,

não podemos…

Leia Mais

Adicionado por Aristides Dornas Júnior em 13 dezembro 2017 às 8:02 — Sem comentários

APRENDENDO A SER POETA

Primeiro, rogo a Deus

que me dê o dom da poesia.

Em seguida, debulho o rosário

pedindo a Jesus Cristo

que interceda junto a seu Pai

por minha causa, que ela não

seja uma causa perdida.

Depois leio os velhos poetas,

se puder ler Camões,

tudo bem. Se não, o negócio

é se contentar com Manuel Bandeira.

Imediatamente considerá-los

velhos demais para o meu tempo

e guardá-los na estante

para apreciá-los com mais calma

para…

Leia Mais

Adicionado por Aristides Dornas Júnior em 13 dezembro 2017 às 8:00 — Sem comentários

O POETA VAI A UM SHOW DE JAZZ

Entrei no teatro para o qual

estava anunciado um show de jazz

de músicos que eu não conhecia.

Sentei-me na platéia

e olhei para o palco.

Lá haviam apenas um piano

e instrumentos de percussão,

o que me levou a pensar

que os músicos teriam que

ser competentíssimos.

Logo entraram dois norte-americanos,

todos dois negros como o ébano.

Iniciaram logo o show.

Foram duas horas de música,

que me elevaram a alma

à uma altura…

Leia Mais

Adicionado por Aristides Dornas Júnior em 13 dezembro 2017 às 7:34 — Sem comentários

A NOIVINHA FILOSÓFICA

Trabalhávamos, os dois, durante

o dia. Ela ajudava, com dinheiro,

os irmãos mais novos dela.

Eu ajudava minha família,

pois tinha irmãos estudantes.

Passamos nas provas do mesmo

vestibular para o mesmo

curso, o curso de Filosofia.

E estudávamos à noite.

Fizemos o primeiro semestre

juntos, que foi onde nos conhecemos.

Passamos para o segundo semestre

e já éramos amigos, apenas

bons amigos.

Um certo dia, ela, que era…

Leia Mais

Adicionado por Aristides Dornas Júnior em 13 dezembro 2017 às 7:00 — Sem comentários

A LIÇÃO DO FRANCISCANO

Ordenou-se frei no continente europeu,

atravessou o oceano, mais precisamente na Holanda, de onde veio

para essas terras brasileiras,

mais precisamente para a minha terra natal.

Aprendeu a nossa língua, que falava com sotaque

que não perdeu nunca. Conheceu

meus avós maternos quando eles eram

jovens e a eles se apegou,

porque viu que eles tinha fé

verdadeira. Conheceu minha mãe

quando ela era apenas uma criança

e quando meus avós…

Leia Mais

Adicionado por Aristides Dornas Júnior em 13 dezembro 2017 às 6:30 — Sem comentários

O SERTANEJO

Montado em meu cavalo,

meu pensamento vagueia

em sonhos. O gado me obedece

direitinho. Basta eu mandar.

O patrão me paga em dia,

o que dá para o meu sustento

e ainda para ter uma roça

onde planto o de comer.

Na quitanda compro o que beber.

Penso em ter uma morena

a quem dedicar todo o meu amor,

mas penso tanto que acabarei

por não ter nenhuma. Ou quem

sabe, um dia? Não vejo a hora

do descanso para poder pegar

na viola…

Leia Mais

Adicionado por Aristides Dornas Júnior em 13 dezembro 2017 às 5:30 — Sem comentários

Tópicos do blog por tags

Arquivos mensais

2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

2009

2008

2007

1999

0201

Antologias (impressas) Abertas participe gratis






Novidade - Publicar seu texto em Antologia Gratis

Caros Amigos e Amigas do Beco dos Poetas \ Poetas Independente venho participar um projeto que a muito idealizávamos publicarmos gratuitamente nossos autores com essa ideia iniciamos o projeto meus poemas uma nova plataforma e com a adesão de 50 Autores que produziram perto de 700 textos elaboramos quatro antologias gratuitamente e já estamos selecionando novos textos queremos vocês conosco nessa nova etapa precisamos criar sua pagina na rede www.meuspoemas.com.br para que nos envie seus textos informações antologia@becodospoetas.com.br ac\ Maria Jeremias assunta criar perfil meus poemas

Este site é gerenciado pelos administradores e mantido por seu membros muito obrigado por sua colaboração !

Ajude a manter o site em funcionamento faça uma doação de qualquer valor
.

Ou se preferir torne-se um assinante permanente contribuindo anualmente com o valor de R$15,00

Assine : R$15,00 - Anualmente


Prefiro ser um Assinante Mensal

Obras que indicamos

© 2017   Criado por Marcio Marcelo do Nasc.Sena.   Ativado por

Credencial  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço