Poetas Independentes

Publicando idéias...realizando sonhos !!!


Autor
jurandi frança de oliveira
  • Masculino
Compartilhar

Fãs do trabalho de Jurandi frança de oliveira

  • elabora textos
  • Eduardo Samuel Ferreira

Presentes recebidos

Presente

jurandi frança de oliveira ainda não recebeu nenhum presente

Dar um presente

 

Página de jurandi frança de oliveira

Últimas atividades

Informações do Perfil

Apresente-se
Ser poeta é como ser menino e ser menino e como a pipa que plana no ar
O que o motivou a criar sua pagina ?
expor minhas poesias e conhecer os trabalhos de outros poetas
Como Conheceu o Beco ? (visível apenas administrador)
pelo site

Simplicidade

Que possa ter de alma
A sensibilidade de sentir na face
Ventos que driblam montanhas
Embala se no vale
Enchendo os pulmões de esperança
Neste momento único
Não há lembrança de saudade
Uma parcial da vida feito de escolha
Entre tantos outros meios
Simplicidade
Das pedras posso ver livremente
Vapor
Escolho a felicidade
Brisa fresca
Alegra se coração, aquece o amor.
Juntos e ao mesmo tempo é bom ver-te
Mesmo para um coração denodo
Vazio
Abre um sinal verde
Em curto intervalo de tempo leve
Chuvisco
Inesquecível sensação
De ver, viver.
Face gelada da constante brisa
Esvoaçado fio capilar
Ventos da montanha
Uma vida inteira a se lembrar

Jurandi França

Fotos de jurandi frança de oliveira

  • Adicionar fotos
  • Ver Todos

Blog de Jurandi frança de oliveira

Simplicidade

Simplicidade

Que possa ter de alma

A sensibilidade de sentir na face

Ventos que driblam montanhas

Embala se no vale

Enchendo os pulmões de esperança

Neste momento único

Não há lembrança de saudade

Uma parcial da vida feito de escolha

Entre tantos outros meios

Simplicidade

Das pedras posso ver livremente

Vapor

Escolho a felicidade

Brisa fresca

Alegra se coração, aquece o amor.

Juntos e ao mesmo…

Leia Mais

Postado em 26 maio 2018 às 23:32

Simplicidade

Simplicidade

Que possa ter de alma

A sensibilidade de sentir na face

Ventos que driblam montanhas

Embala se no vale

Enchendo os pulmões de esperança

Neste momento único

Não há lembrança de saudade

Uma parcial da vida feito de escolha

Entre tantos outros meios

Simplicidade

Das pedras posso ver livremente

Vapor

Escolho a felicidade

Brisa fresca

Alegra se coração, aquece o amor.

Juntos e ao mesmo…

Leia Mais

Postado em 26 maio 2018 às 23:29

As vezes o passado é presente

Postado em 20 junho 2015 às 19:58

De aventura medo e perigo

Postado em 19 junho 2015 às 1:34

Caixa de Recados (1 comentário)

Você precisa ser um membro de Poetas Independentes para adicionar comentários!

Entrar em Poetas Independentes

Às 12:14 em 3 junho 2015, Marcio Marcelo do Nasc.Sena disse...

Seja Bem Vindo !!!

 
 
 

Copie e Cole em Seu Blog

Carregando...

© 2018   Criado por Marcio Marcelo do Nasc.Sena.   Ativado por

Credencial  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço