Autor
Francisco Ferreira
Compartilhar

Fãs do trabalho de Francisco Ferreira

  • elabora textos
  • Marcio Marcelo do Nasc.Sena

Presentes recebidos

Presente

Francisco Ferreira ainda não recebeu nenhum presente

Dar um presente

 

Página de Francisco Ferreira

Últimas atividades


Autor
Posts no blog por Francisco Ferreira

Alicerces Suspeitos

De pisar o absurdo meus pés andam caladospreso às alpercatasrotas, arrochadas do destino.Errático por caminhosque outras línguas palmilharamvou desbravando rochas em rotastrespassadas de antigos sangues.Orbitados ainda, meus dias iguais,de palavras vis que em vãoalcei à lua num canto-uivode último cão danado.Serão delas a matéria pútridacom que calcarei meus alicercesmais suspeitos,tão movediços os caminhos.Sólidas somente as culpasem trilhá-los nu à luz da vida.Ver mais...
27 Dez, 2016

Autor
Posts no blog por Francisco Ferreira

À Geni

Não é o dar-se amiúde nem o amar por amar que lhe tornam inaceitável,mas o alter ego escarrado na caraespelho para damas insuspeitas.Seu corpo nômadeé que injeta o sanguenos olhos da igrejae faz perder-se o bispo.Ver mais...
10 Dez, 2016

Autor
Posts no blog por Francisco Ferreira

A Fragilidade do Azul

Todo carinho ainda é pouco para coração assimtão frágil.Sim, cuidado! Pois meu coraçãoé frágil como um faquirou professor de físicatísico e desgrenhado.Fragilíssimo!Como a moça de porcelana e celulitesque, às quintas, cospe fogoem circos de quinta.Frágil como uma réstia de luzno derradeiro instantede um crepúsculo azul.Ver mais...
6 Dez, 2016

Autor
Posts no blog por Francisco Ferreira

Acasalamento

Meu bem, de olhos de sanhaço na muda desancou-me, deixou-me assim, tão aique nidifiquei de amor.Ver mais...
3 Dez, 2016

Autor
Posts no blog por Francisco Ferreira

Abandono

Não bastasse que se batessecontra toda parede brancaque havia, avezinha tonta,bateu asase deixou sozinho,no ninho,meu coração de passarinho.Ver mais...
29 Nov, 2016

Autor
Posts no blog por Francisco Ferreira

Desilusão de Ótica

Mirando-me num retrato de outrora, eu cri-me alçado em voo, sem ser alado;atrelando-me à ilusão do passadoesquecido dos espelhos de agora.E inebriado assim fui mundo aforaem fantasias, sentia-me remoçadoneste falso delírio acorrentadoque, tão facilmente, a vida devora.E, em lhe devorando o tempo, cai a venda,que confunde e mascara a realidade.Para que o iludido espírito aprendasinto no corpo a terrível verdade:que a ninguém, no decurso desta senda,é permitido esquivar-se da idade.Ver mais...
26 Nov, 2016

Autor
Posts no blog por Francisco Ferreira

A Caminho

Pouco mais do que nada é o que sou, um fraco a arrastar sua humanidade. Nas mãos, além de calos e memóriasde ancestrais carinhos, nada mais eu trago.Os bolsos vazios e o coraçãosenão pelos amores agonizantese a angustia de se caminhar sósem cajados ou bússolas.Não peço nada, já que mínimo é o que tenho.Se meu futuro é ponte inacabadae o presente, pó da estrada e farraposde andrajoso andarilhona busca de paz e um cadinho de amor.Não me abras portas, ao me ver passarcapaz que eu entre e queira…Ver mais...
8 Nov, 2016

Autor
Posts no blog por Francisco Ferreira

À Deriva

Distante tanto meus olhos, à garra,perdidos em vazios de luz.Tateiam hesitantesincógnitas pegadassem êxito, de cores, desobrigados.Arrebatadas miragens,exíguas imagens ausentessozinhas, separadas.Eu, só...Ver mais...
5 Nov, 2016

Autor
Posts no blog por Francisco Ferreira

Amargo Rio Doce

Rio acima desovo-me fluido fujo da foz evitando aMAR.Águas mortasem linhas tortassólidos liquefazem no ar.(Partículas em suspeição).Rio suspeito em meu leito de sublevação.Peixe fátuo, fresco, fritoágua furtada, fonte aflitatorrente de monção.(Água turva insurreta).Pousa em graçapouso de graçabicos longilíneos, des-caminhar.Correnteza, cabeceiraleito seco, peito seco, corre secoa caminho do aMAR.(Movem-me moinhos, aguarrás).Ver mais...
1 Nov, 2016

Autor
Francisco Ferreira é agora um membro de Poetas Independentes
1 Nov, 2016

Informações do Perfil

Apresente-se
Poeta em tempo integral, contista nas horas vagas. Algumas centenas de classificações em concursos literários no Brasil, Portugal e Itália, algumas centenas de participações em antologias e membro de academias RS, PR, SP, RJ e BA.
O que o motivou a criar sua pagina ?
Visibilidade e divulgação.
Deixe a URL de seu Site ou Blog ? Ficará visivel e se desejar divulgue o nosso link em seu Site ou Blog.
http://impalpavelpoeiradaspalvras.blogspot.com.br/
Como Conheceu o Beco ? (visível apenas administrador)
Grupo do WhatsApp.

Blog de Francisco Ferreira

Alicerces Suspeitos

De pisar o absurdo

meus pés andam calados

preso às alpercatas

rotas, arrochadas do destino.



Errático por caminhos

que outras línguas palmilharam

vou desbravando rochas em rotas

trespassadas de antigos sangues.



Orbitados ainda, meus dias iguais,

de palavras vis que em vão

alcei à lua num canto-uivo

de último cão danado.



Serão delas a matéria…

Leia Mais

Postado em 26 dezembro 2016 às 12:12

À Geni

Não é o dar-se amiúde
nem o amar por amar
que lhe tornam inaceitável,
mas o alter ego escarrado na cara
espelho para damas insuspeitas.
Seu corpo nômade
é que injeta o sangue
nos olhos da igreja
e faz perder-se o bispo.

Postado em 10 dezembro 2016 às 18:51

A Fragilidade do Azul

Todo carinho ainda é pouco
para coração assim
tão frágil.

Sim, cuidado! Pois meu coração
é frágil como um faquir
ou professor de física
tísico e desgrenhado.

Fragilíssimo!
Como a moça de porcelana e celulites
que, às quintas, cospe fogo
em circos de quinta.

Frágil como uma réstia de luz
no derradeiro instante
de um crepúsculo azul.

Postado em 6 dezembro 2016 às 8:10

Acasalamento

Meu bem, de olhos de sanhaço na muda
desancou-me, deixou-me assim, tão ai
que nidifiquei de amor.

Postado em 3 dezembro 2016 às 11:46

Caixa de Recados (1 comentário)

Você precisa ser um membro de Poetas Independentes para adicionar comentários!

Entrar em Poetas Independentes

Às 19:45 em 1 novembro 2016, Marcio Marcelo do Nasc.Sena disse...

Seja Bem Vindo !!!

 
 
 

Anuncie seu Livro aqui - Clik na imagem da capa

Novidade : Click no botão abaixo...

Este site é gerenciado pelos administradores e mantido por seu membros muito obrigado por sua colaboração !

Ajude a manter o site em funcionamento faça uma doação de qualquer valor
.

Ou se preferir torne-se um assinante permanente contribuindo anualmente com o valor de R$15,00

Assine : R$15,00 - Anualmente

© 2017   Criado por Marcio Marcelo do Nasc.Sena.   Ativado por

Credencial  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço